Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2014

Inmetro estabelece certificação para mamadeiras livres de BPA

Depois das notícias de risco sobre ftalatos em pingentes utilizados em pulseiras coloridas de elásticos, muito apreciadas por crianças e adolescentes, agora temos em foco as mamadeiras.
Desde 2012 é proibido vender mamadeiras com bisfenol A (BPA) – que tem o nome químico de 2,2-Bis (4-hidroxifenil) propano -  no Brasil. A substância química foi proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a partir de estudos que indicam que ela pode ser cancerígena, causar problemas hormonais e cardíacos, além do fato de que o sistema de eliminação da substância pelo corpo humano não é muito desenvolvido em crianças de zero a 12 meses.
Estudos tem constatado que, quando o plástico que contém BPA é aquecido ou congelado, pode liberar moléculas dessa substância, contaminando os alimentos.Não só as mamadeiras, mas também os copos, potes de armazenamento de alimentos, talheres e pratos plásticos podem conter BPA.
A proibição do uso de bisfenol A em mamadeiras destinadas à alimentação de l…

Substâncias cancerígenas detectadas em acessórios de pulseiras coloridas

Recentemente têm circulado notícias sobre o risco dos pequenos anéis de elásticos coloridos utilizados para fazer pulseirinhas  e outros produtos de artesanato, e que atualmente viraram moda entre crianças e adolescentes de todo o mundo. No Brasil, a loom band é conhecida como pulseira loom, pulseira de elástico loom, rainbow loom, entre outras designações.
A origem dos alertas está na pesquisa feita na Europa pelo Birmingham Assay Office, na Inglaterra, e divulgada pela rede de notícias BBC, em 29 de agosto desse ano, o qual analisou os acessórios das famosas pulseiras de elásticos coloridos, os quais são conhecidos como “loom band charms”, e detectou elementos nocivos aos humanos presentes nesse produto e apontaram um pingente contendo 40% de ftalatos em sua composição, enquanto a legislação da União Europeia estabelece o limite máximo de 0,1%.
Com base nessa notícia, a Associação de Consumidores - Proteste, no Brasil, enviou um ofício ao Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e …

Seminário discute os impactos dos agrotóxicos na Chapada Diamantina

O Fórum Baiano de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos (FBCA) realizará no dia 3 de dezembro o Seminário Impactos Causados por Agrotóxicos no Território da Chapada Diamantina, no Centro de Cultura de Mucugê, município da Chapada Diamantina, localizado a 448 Km de Salvador.
O evento tem como objetivo promover a interlocução entre os representantes do poder público, trabalhadores, movimentos sociais e consumidores; Identificar, analisar e dar respostas aos problemas causados pelo uso de agrotóxicos, considerando a proteção a saúde do trabalhador, da população, do consumidor e do ambiente; e discutir e encaminhar os problemas levantados pelo uso de agrotóxicos.
Constituem o público alvo do Seminário as instituições e entidades participantes do FBCA; dirigentes e técnicos de instituições federais, estaduais e municipais; empresas, trabalhadores e produtores envolvidos com a temática; representantes de ONG’s e outros convidados.
As inscrições serão gratuitas e poderão ser feitas no local. Ma…

Intoxicação de cães com veneno de sapo

Por serem animais lentos, os sapos tornam-se presas fáceis para os  cães. Quando um cão vê um sapo pulando, a tendência é que ele faça pelo menos uma investigação. Os felinos também podem se intoxicar, no entanto a casuística é bem menor.
Os sapos possuem glândulas venenosas na pele que quando pressionadas liberam uma secreção leitosa que contém potentes toxinas, dentre elas a bufotoxina, uma das mais conhecidas. Muitos cães se intoxicam mesmo não mordendo o sapo, bastando apenas o contato da mucosa bucal com a secreção para dar início a uma sequência de alterações que podem levar à morte.
De início, a primeira alteração que percebemos é uma intensa sialorréia (salivação) e uma área hiperêmica na mucosa bucal do animal, denunciando o local que entrou em contato com o veneno. Após a sua absorção, podemos ter inúmeras alterações que achamos pertinente enumerá-las  para que os proprietários possam ficar atentos. O animal pode ficar inquieto, ter taquicardia (aumento do batimento cardíaco) …

Cerca de 50 operários passam mal após intoxicação alimentar em Itabuna

Cinquenta e quatro operários de uma empresa de construção civil deram entrada na manhã desta terça-feira (18) no Hospital de Base de Itabuna com um quadro de intoxicação alimentar. Os trabalhadores, que são empregados da empresa Cidadelle, ficaram em regime de observação até estarem aptos a receberem alta médica.
Procurada, a Cidadelle informou que o serviço de alimentação é prestado por uma empresa terceirizada e que no cardápio servido nesta terça não havia nenhuma refeição diferente das que geralmente são consumidas. Em nota divulgada à imprensa, explicou que já notificou a empresa Stering Cozinha Industrial LTDA, terceirizada responsável pelo fornecimento da alimentação. A empresa de construção civil informou ainda que já tomou todas as medidas pertinentes para apurar o ocorrido o mais rápido possível e que ainda essa semana fará imediata substituição  da empresa fornecedora da alimentação. O presidente da Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (Fasi), mantenedora do Hospital de Base…

Ceatox (PB) realizará curso sobre Toxicologia Clínica para Atenção Primária

O Centro de Informações e Assistência Toxicológica (Ceatox) de Campina Grande (PB), em parceria com o Hospital de Trauma realiza nesta quinta-feira (13/11), o 1º curso de Capacitação em Toxicologia Clínica para Atenção Primária. O evento será realizado no auditório do hospital e tem como público alvo profissionais do Programa de Saúde da Família (médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, agentes comunitários de Saúde), agentes de saúde ambiental, agricultores e representantes de associações de produtores rurais, profissionais de saúde que atuam nas unidades de pronto atendimento e hospitais regionais. De acordo com a coordenadora do Ceatox, professora Sayonara Fook, o curso tem como objetivo capacitar os profissionais da região metropolitana de Campina Grande na prevenção, diagnóstico e tratamento das intoxicações agudas e crônicas (incluindo agrotóxicos) e acidentes por animais peçonhentos e orientar agricultores sobre boas paráticas agrícolas (BPA) e prevenção de intoxicações por …

Ciave articula enfrentamento dos eventos envolvendo abelhas e vespas

O Centro de Informações Antiveneno da Bahia (Ciave) promoveu na tarde dessa quarta-feira (05/11), no auditório do Ciave, a segunda reunião com o objetivo de promover a articulação de enfrentamento dos eventos envolvendo abelhas e vespas na Bahia. Dentre as diversas instituições convidadas, tiveram representantes presentes o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis-Ibama-BA, o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos-Inema, o Corpo de Bombeiros da Policia Militar da Bahia (CB-PMBA) e órgãos do município de Salvador (Diretoria de Vigilância à Saúde, Centro de Controle de Zoonoses-CCZ e Guarda Municipal-GMS), além de técnicos do Centro Antiveneno.
Ao iniciar a reunião, o Dr. Daniel Rebouças, diretor do Ciave, ressaltou a relevância daquele evento e lembrou que as discussões tiveram início durante o V Congresso Brasileiro de Toxicologia Clínica, realizado em setembro, quando também estavam representados a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBD…

A Toxicovigilância na Bahia é tema de sessão científica

Os sistemas de informação em saúde e a toxicovigilância na Bahia foi o tema da sessão científica do Centro de Informações Antiveneno da Bahia (Ciave) deste mês, mediada pelo farmacêutico Jucelino Nery. 

O evento é realizado mensalmente e tem como objetivo promover a atualização, a integração e a troca de saberes entre os técnicos e estagiários do Centro. As acadêmicas Gessica Sacramento e Ueslaine Pereira, estagiárias de Farmácia, abordaram sobre a toxicovigilância e os sistemas de informação utilizados pelo Ciave, vigilância essa que consiste em um conjunto de ações que tem como objetivo eliminar ou diminuir as situações que possam comprometer a integridade física, mental e social dos indivíduos expostos às substâncias químicas. Enfatizou-se a sua importância para a saúde pública, ressaltando que o CIAVE, como centro estadual de referência em Toxicologia, tem promovido ações para o controle dos eventos toxicológicos, bem como contribuído para desenvolver e estimular a cultura de toxico…

Crianças são atacadas por abelhas em escola no interior da Bahia

Cerca de 20 crianças foram atacadas por abelhas em uma escola da zona rural do município de Aporá, a 190 km de Salvador, na manhã de quarta-feira (29), segundo informações da delegacia da cidade. O ataque aconteceu durante o intervalo na Escola Municipal Rural do distrito de Itamira, após algumas das crianças terem jogado pedras em uma colmeia. Na escola primária, localizada no povoado conhecido como Sítio, estudam alunos de quatro a oito anos de idade. “Algumas crianças estavam com estilingues e acabaram atingindo a colmeia, que estava em um terreno ao lado da escola. As abelhas se alvoroçaram, invadiram a escola e atacaram os alunos”, afirmou o secretário de administração da cidade, Jaivan Dantas de Moraes. "Houve um alvoroço muito grande no povoado, mas conseguimos nos mobilizar e enviar uma equipe médica a tempo para dar o suporte necessário", afirma o secretário. Um menino de quatro anos teve de ser levado para o Hospital Dantas Bião, na cidade vizinha de Alagoinhas. N…