Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2017

Envenenamento é tema de palestras do Ciave para Militares do Corpo de Bombeiros

Nessa segunda-feira (30/10) 60 cabos do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), alunos do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos – CAS, tiveram palestra sobre animais peçonhentos e atendimento ao paciente intoxicado ministrada por Edilúcia Salomão, enfermeira do Centro de Informações Antiveneno (Ciave), no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças – CFAP-BM, em Simões Filho.

O CAS possui uma carga horária 600 horas e visa atualizar esses militares nos conhecimentos de combate a incêndio, modalidades de  salvamento (terrestre, aquático, etc.) e socorrismo.
Já na manhã de hoje (31/10), o Ciave recebeu a visita de 47 alunos do Curso de Formação de Oficiais Auxiliares do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, que tiveram a oportunidade de conhecer as instalações do Centro, considerado referência para a Região Nordeste.

Às 9 horas foi iniciada palestra sobre animais peçonhentos e plantas tóxicas para esses alunos, ministrada por Jucelino Nery, farmacêutico e coordenador técnico do …

Consumo de metanol mata sete pessoas no Equador

Sete pessoas morreram e duas permanecem em estado crítico após a ingestão de álcool para uso industrial em Quito, informou o ministério equatoriano da Saúde. O ministério informou em um comunicado que um alerta sobre casos suspeitos de intoxicação por consumo de álcool metílico (metanol) permitiu estabelecer nove casos, com sete mortes em 24 horas e dois pacientes em estado crítico com prognóstico reservado. "Ficou evidente que os pacientes consumiram o álcool nas últimas 72 horas", afirma o comunicado. As autoridades presumem que a bebida foi adquirida em um comércio ilegal, no centro da capital equatoriana. As autoridades investigam se outras duas pessoas morreram pelo mesmo motivo, segundo o texto. O ministério pediu à população que não consuma licor de procedência duvidosa. Em 2011 foram registrados pelo menos 164 casos de intoxicação metanol no Equador, com 50 vítimas fatais.
Fonte: JC Online.

Estudantes de colégio estadual em Salvador são picados por abelhas

Estudantes do Colégio Estadual Professor Carlos Santana, no bairro de Amaralina, em Salvador, foram atacados por abelhas na tarde da sexta-feira (27). De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), nove adolescentes ficaram feridos. No entanto, a Secretaria de Educação do Estado (SEC) informou que oito alunos foram picados pelas abelhas. O avô de uma das vítimas disse que o neto de 14 anos foi atacado quando estava em sala de aula. "Ele ficou com cinco ferrões no corpo. Já foram tirados e ele passa bem", disse Alberto Possas.

Ainda segundo o Samu, oito dos adolescentes foram atendidos no local e tiveram os ferrões retirados. Os estudantes foram medicados e liberados. Conforme o Samu, apenas uma adolescente de 13 anos foi encaminhada para o Hospital Naval para receber atendimento médico e ficar em observação, mas ela passa bem.

Por meio de nota, SEC informou que prestou assistência imediata aos estudantes, acionando o Samu e convocando familiares. Informou …

Anvisa reitera razões para proibir aditivos em cigarros

Está na pauta do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta (25/10), a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) nº 4874, que questiona a legitimidade da Anvisa para a proibição do uso de aditivos nos produtos fumígenos derivados do tabaco.

Deve-se ressaltar que o que está em debate nesta ADI não é o banimento do cigarro, mas se a Anvisa, no estrito cumprimento de sua função legal, pode proibir que a indústria do tabaco utilize aditivos que têm um único objetivo: disfarçar o sabor do tabaco e, assim, facilitar a iniciação de adolescentes ao tabagismo.

Tais aditivos têm tão somente a função de mascarar sabores, odores e sensações ruins em cigarros e outros produtos fumígenos, com o objetivo de fazer com que os usuários utilizem cada vez mais estes produtos.

Ao longo dos anos, o Brasil tem avançado no controle dos produtos fumígenos derivados do tabaco e também no combate ao tabagismo. Este avanço foi possível por meio da adoção de diversas medidas normativas, sendo uma das primeira…

Importação de padrões analíticos ganha regra mais ágil

Já estão publicadas as novas regras para importação e exportação de padrões analíticos à base de substâncias controladas. A nova resolução estabelece que a importação e a exportação de padrões analíticos de algumas substâncias sujeitas a controle somente nacional não precisar da Autorização de Importação (AI) e Autorização de Exportação (AEX). A regulamentação está na RDC 186/2017. Nos casos de dispensa de autorização de importação ou de exportação, a quantidade do ativo sujeito a controle especial não pode passar de 500mg por unidade, à base das substâncias sujeitas a controle somente nacional. Isso inclui aquelas que são controladas no Brasil, mas que não são objeto de controle internacional por não constarem nas listas de controle da ONU, que inclui os textos das Convenções de 1961, 1971 e 1988. A importação continua sujeita aos Procedimentos 1 e 1A descritos na RDC n° 81/2008, inclusive no que diz respeito aos pontos de entrada no Brasil. Porém, com a nova regra, não será mais necess…

Trump vai declarar crise de opioides emergência nacional

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quarta-feira que reunirá seus conselheiros para declarar oficialmente a crise dos opioides uma "emergência nacional".

"Vamos ter uma grande reunião sobre os opioides amanhã", disse Trump a jornalistas na Casa Branca.

"Teremos uma importante reunião em algum momento em breve sobre os opioides para declarar uma emergência nacional, o que nos dará o poder para fazer coisas que agora não podemos fazer".

Uma comissão designada por Trump para investigar a situação realizou uma "recomendação urgente" para que o presidente declarasse emergência nacional sob a Lei do Serviço de Saúde Pública, também conhecida como Lei Strafford.

"Esta declaração dará poder ao gabinete para adotar medidas audazes e forçará o Congresso a se dedicar a conseguir verbas e a empoderar o Executivo para que possa evitar esta perda de vidas".
A Lei Stafford concede ao governo federal a autoridade para oferec…

10º Congresso de Toxicologia em Países em Desenvolvimento

A Serbian Society of Toxicology (SETOX) e a International Union of Toxicology (IUTOX) anunciam a disponibilidade de prêmios de bolsa para participar do 10º Congresso de Toxicologia em Países em Desenvolvimento (CTDC10). A reunião será realizada em Belgrado, Sérvia, de 18 a 21 de abril de 2018.

Os premiados podem ser cientistas juniores ou seniores de um país onde a Toxicologia está sub-representada e que tenha um programa de pesquisa ativo ou atualmente ativo na prática da Toxicologia.

 Os pedidos de prêmios devem ser recebidos até 15 de novembro de 2017. Os beneficiários dos prêmios anteriores de 2014, 2015, 2016, 2017 ou 2018 TIC, CTDC ou outras Bolsas da IUTOX não são elegíveis para candidatar-se. Os premiados serão notificados em dezembro de 2017. Os prêmios serão emitidos na reunião do CTDC10.

A submissão de resumos de trabalhos encontra-se aberta e o Programa Científico Preliminar já está disponível, podendo ser conferido clicando aqui.

Fonte: SBTox e SETOX.

Novas drogas ilícitas em discussão na ONU

Conferência sobre NSP e Consulta de Especialistas terão a presença da Agência. A Anvisa participa, nos dias 23, 24 e 25 de outubro, de dois eventos para discutir novas drogas: a V Conferência Internacional sobre Novas Substâncias Psicoativas (NSP) e a IV Consulta de Especialistas do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC/OMS).  A V Conferência Internacional sobre NSP visa compartilhar, a nível internacional, conhecimento acerca do assunto. A ONU enviou convite para a Anvisa palestrar sobre a experiência brasileira com a legislação relacionada às NSPs, especialmente no que diz respeito à classificação genérica de substâncias, adotada no Brasil desde 2016, em alinhamento às principais estratégias internacionais.  Já a IV Consulta de Especialistas do UNODC/OMS reúne especialistas na classificação de produtos controlados. Sua produção subsidia as proposições do Expert Committee on Drug Dependence (ECDD/OMS), que é responsável por avaliar e recomendar à Comissão de Narcótico…

O tema “Acidentes com animais peçonhentos” é abordado em seminário da Uneb

O tema animais peçonhentos integrou a programação do I Simpósio de Emergências e Primeiros Socorros da LAEPS (Liga Acadêmica de Emergências e Primeiros Socorros), nessa sexta-feira (20/10), evento este promovido pela LAEPS, da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), com apoio da Pró-reitoria de Extensão (Proex).

A enfermeira Edilúcia Salomão, do Centro de Informações Antiveneno, abordou em sua palestra intitulada “Acidentes com animais peçonhentos: o que há de novo?” um pouco sobre  a epidemiologia desses agravos no Estado, as características dos acidentes, as noções de primeiros socorros e as condutas gerais no atendimento às vítimas em unidades de urgência e emergência.

Segundo Edilúcia Salomão, “é muito importante capacitar os estudantes para os primeiros cuidados a uma vítima de acidente por animal peçonhento, assim como os demais agravos/doenças, pois isto permitirá que eles possam contribuir para a diminuição de sequelas e óbitos decorrentes desses eventos”.

Em 2016 foram regist…

O Ciave promove o II Curso de Intervenção Multidisciplinar na Atenção a Pessoas em Risco de Suicídio

O Centro de Informações Antiveneno (Ciave), através do seu Núcleo de Estudo e Prevenção de Suicídio (NEPS), realizou na quarta-feira (18/10) o II Curso de Intervenção Multidisciplinar na Atenção a Pessoas em Risco de Suicídio, no auditório da Faculdade Baiana de Medicina e Saúde Pública, no Campus do Cabula.
Este curso faz parte da primeira etapa do Projeto de Prevenção do Suicídio/Bahia, elaborado pelo NEPS/CIAVE, que tem como principais ações previstas a implantação de 10 Núcleos Regionais de Estudo e Prevenção do Suicídio - NEPS/Regional, seguindo o modelo do NEPS Estadual, e a implantação de um Programa de Educação Permanente. O evento teve como público alvo os profissionais dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) da capital. Para os profissionais do interior do Estado, o treinamento ocorrerá a partir do próximo ano.

Segundo a psicóloga e psicanalista Soraya Carvalho, idealizadora e coordenadora do NEPS, a capacitação tem como principal objetivo oferecer informações teóricas e pr…

Prevenção do câncer de mama é tema de palestra no Ciave

Como parte das ações referentes à campanha Outubro Rosa, o Centro de Informações Antiveneno (Ciave) promoveu nessa quinta-feira (19), no auditório da Unidade, a palestra ministrada por Maristela Viana Maciel, tendo como público alvo os servidores, estagiários, usuários e convidados.

Maristela começou a fazer trabalho voluntário depois de conhecer o Núcleo de Apoio às Pessoas com Câncer (NASPEC), pois enfrentou os problemas decorrentes da doença. A partir de então, ela tem participado ativamente da campanha “Outubro Rosa” com suas palestras, através do relato da sua história e alertando para a importância do diagnóstico precoce do câncer, considerada uma doença silenciosa.

Segundo Maristela, além do câncer, já enfrentou muitos problemas de saúde, tendo sido submetida a 12 cirurgias, mas ainda assim não perde o ânimo pela vida. Além disso, ela ressalta que durante todo o ano deve-se lembrar da realização dos exames para diagnóstico do câncer de mama. Lembra que o seu câncer foi descobe…

PARA é incluído em programa de monitoramento da OMS

Dados do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos da Anvisa serão utilizados por sistema global de monitoramento e avaliação da exposição de contaminantes em alimentos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) incluiu os dados do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (PARA) da Anvisa no programa Gems Food, responsável por manter o sistema global de monitoramento e avaliação da exposição de contaminantes em alimentos. O sistema recebe informações de 35 centros de colaboração, distribuídos em 28 países, referentes ao consumo de alimentos e exposição a resíduos de agrotóxicos, contaminantes, drogas veterinárias e outras substâncias presentes nos alimentos. A Anvisa é um desses centros de colaboração.

A OMS destacou em mensagem encaminhada à Agência que com esta inclusão dos dados do Brasil, as Américas passaram a ser os primeiros provedores de dados da Gems, antes mesmo da Europa.

Por intermédio dessas informações, o sistema oferta dados para países e…

Anvisa reitera razões para proibir aditivos em cigarros

Está na pauta do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta (19/10), a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) nº 4874, que questiona a legitimidade da Anvisa para a proibição do uso de aditivos nos produtos fumígenos derivados do tabaco.

Deve-se ressaltar que o que está em debate nesta ADI não é o banimento do cigarro, mas se a Anvisa, no estrito cumprimento de sua função legal, pode proibir que a indústria do tabaco utilize aditivos que têm um único objetivo: disfarçar o sabor do tabaco e, assim, facilitar a iniciação de adolescentes ao tabagismo.

Tais aditivos têm tão somente a função de mascarar sabores, odores e sensações ruins em cigarros e outros produtos fumígenos, com o objetivo de fazer com que os usuários utilizem cada vez mais estes produtos.

Ao longo dos anos, o Brasil tem avançado no controle dos produtos fumígenos derivados do tabaco e também no combate ao tabagismo. Este avanço foi possível por meio da adoção de diversas medidas normativas, sendo uma das primeira…

Toxina provoca interdição no cultivo de moluscos em SC e consumo e venda são proibidos

A Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca interditou o cultivo de ostras, vieiras, mexilhões e berbigões em todo o litoral de Santa Catarina nesta quinta-feira (19). O motivo foi a presença de uma toxina paralisante, encontrada em Porto Belo, no Litoral Norte. Com a interdição, ficaram proibidas a retirada, venda e o consumo de moluscos.
A toxina paralisante foi detectada em exames laboratoriais tanto da água quanto de moluscos em cultivos da localidade de Ilha João da Cunha. Segundo a secretaria, o litoral catarinense foi interditado como forma de prevenção. A presença da toxina na água não representa risco aos banhistas.
Toxina De acordo com a pasta, a toxina pode causar diarreia, náuseas, vômitos, dores abdominais e perda de sensibilidade nas extremidades do corpo. Em casos mais graves, pode causar paralisia generalizada e morte por falência respiratória.
A Secretaria de Agricultura alerta que essas toxinas não são degradadas com o cozimento ou o processamento dos alimentos.…

Anvisa conclui reavaliação toxicológica do Carbofurano

Na Reunião Ordinária Pública da terça-feira passada (10/10), a Diretoria Colegiada da Anvisa (Dicol) finalizou a reavaliação toxicológica do ingrediente ativo Carbofurano, iniciada em 2008 e, desde então, estudada exaustivamente pela Agência e discutida com o setor regulado e a sociedade. A deliberação é pelo banimento do produto após seis meses de prazo para sua descontinuação nas culturas de banana, café e cana-de-açúcar.

O Carbofurano é inseticida, cupinicida, acaricida e nematicida com uso agrícola para aplicação em diversas hortaliças, frutas e grãos. O modo de ação do Carbofurano não é espécie-específico, afetando também espécies não-alvo, incluindo os seres humanos.

Proibição

Após publicação da resolução da Dicol, ficarão proibidos imediatamente todos os usos do Carbofurano, exceto para as culturas de banana, café e cana-de-açúcar, que terão um período de descontinuação de seis meses. Como medida de descontinuação, a produção, importação e comercialização de produtos à base do …

Projeto ajuda população a lidar com abelhas

O projeto SOS Abelhas, uma iniciativa da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), está oferecendo a moradores da zona urbana ou rural o serviço de captura de enxames nos municípios do Recôncavo sul. Com equipamentos e técnicas próprias para a atividade, a proposta é proteger as comunidades, bem como preservar as colmeias.

Segundo a professora Maria das Graças Vidal, coordenadora da iniciativa do Setor de Apicultura do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas da UFRB, no município de Cruz das Almas (a 137 km de Salvador), a primavera e o verão são as principais estações de produção das colmeias.

Isto acontece nesta época, segundo a professora, por causa de maior disponibilidade de flores nativas e exóticas na região do Recôncavo baiano.

Floração
O pico da floração ocorre entre os meses de julho e outubro, fase também de reprodução das abelhas e do aparecimento de novos enxames.

Por vezes isso está sujeito a ocorrer em áreas urbanas e em locais muito próximos dos h…

Atividades são realizadas pelo Ciave na "Semana da Criança"

Na Semana da Criança, o Centro de Informações Antiveneno (Ciave) participou de diversas ações
como parte da Campanha “Semana Criança Segura”.

No período de 09 a 11/10, técnicos do Centro realizaram, junto aos usuários do Hospital Geral Roberto Santos (ambulatório, enfermaria e emergência pediátrica), orientações sobre prevenção de acidentes envolvendo crianças, com distribuição de material informativo.

Na tarde do dia 10, representando o Ciave, a Dra. Carli Ventura participou do Seminário Criança Segura, realizado na Escola Superior da Defensoria Pública do Estado da Bahia, no Canela.

Já no dia 11 ocorreu a Audiência Pública sobre o tema “A Segurança das Crianças no Consumo de Produtos Infantis”, no auditório Emerson José, do Anexo da Câmara dos Veadores de Salvador. Neste evento, o farmacêutico Jucelino Nery explanou sobre “A Intoxicação Aguda em Crianças”. Segundo o representante do Ciave, a maioria (58%) das intoxicações registradas pelo Ciave ocorreu no ambiente doméstico. Destas …

Ciave participa do IV Fórum dos CIATox em Goiânia

Neste domingo (08/10), ocorreu o IV Fórum dos Centros de Informação e Assistência Toxicológica (CIATox) em Goiânia (GO), que teve como tema a “Avaliação do impacto dos Centros na qualificação da assistência toxicológica na Rede de Atenção à Saúde. O evento se deu no âmbito do XX Congresso Brasileiro de Toxicologia e foi promovido pela Associação Brasileira de Centros de Informação e Assistência Toxicológica (Abracit), com o apoio da Sociedade Brasileira de Toxicologia (SBTox).

Estiveram presentes representantes de diversos CIATox do país e do Ministério da Saúde (SAS e SVS). O Centro de Informações Antiveneno da Bahia (Ciave-BA) esteve representado por seu coordenador técnico e farmacêutico Jucelino Nery.

Após a abertura do Fórum pela atual presidente da Abracit, a farmacêutica Edna Maria Miello Hernandez (CCI São Paulo), diversos assuntos relevantes para os Centros foram discutidos: utilização pelos CIATox do sistema de registro DATATOX; elaboração das Diretrizes Diagnósticas e Tera…

O Ciave leva o tema Acidentes por Animais Peçonhentos à CPRM

Nesta sexta-feira (06/10), técnicos do Serviço Geológico do Brasil (Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais - CPRM), empresa pública vinculada ao Ministério das Minas e Energia, tiveram a oportunidade de discutir sobre o tema "Acidentes por Animais Peçonhentos”, através da palestra do farmacêutico do Centro de Informações Antiveneno (Ciave), Jucelino Nery.
Foi realizada também uma exposição de exemplares de animais peçonhentos, coordenada pelo biólogo do Ciave, Alfredo Soares, com a participação de estagiárias da Unidade.

Como parte da Semana Interna de Prevenção de Acidentes – SIPAT da empresa, a apresentação foi realizada com o objetivo de capacitar o corpo técnico da CPRM para minimizar os riscos de acidentes por animais peçonhentos em suas atividades de campo.
Só em 2016 foram registrados na Bahia mais de 15.000 casos de acidentes envolvendo esse tipo de animal. Dentre estes casos, 1.356 (8,9%) foram relacionados ao trabalho. Os escorpiões constituem os principais agentes…

Abordagem ao Paciente com Intoxicação Aguda é Discutida na I SAFAR

A “Abordagem ao Paciente com Intoxicação Aguda” foi um dos temas discutidos no âmbito da I Semana Acadêmica de Farmácia da UNEB (SAFAR-UNEB), nessa terça-feira (03/10).

O evento que aconteceu no período de 02 a 04 deste mês, no Campus I da UNEB, em Salvador, objetivou a integralidade e construção de novos conhecimentos na área Farmacêutica e teve como público alvo todos os estudantes do curso de Farmácia e áreas afins, profissionais, pesquisadores e técnicos administrativos da Universidade.

O Farmacêutico Jucelino Nery da Conceição Filho, coordenador técnico do Centro de Informações Antiveneno (Ciave), ressaltou a importância do primeiro atendimento ao intoxicado agudo na sobrevida e prevenção de complicações ou sequelas.

De acordo com Jucelino Nery, a intoxicação aguda constitui um importante problema de saúde pública, particularmente na faixa etária pediátrica. São registrados anualmente pelo Ciave cerca de 8.000 casos, onde os medicamentos constituem os principais agentes responsá…

Exposição a agrotóxicos e acidentes por animais peçonhentos por trabalhadores agrícolas é discutido em Barreiras em evento da Renast-BA

O Centro de Informações Antiveneno (Ciave) esteve representado no Encontro Macrorregional Oeste da Renast-BA, realizado nos dias 27 e 28/10, em Barreiras. O evento foi promovido pela Diretoria de Vigilância e Atenção à Saúde do Trabalhador (Divast), em parceria com os Núcleos Regionais de Saúde (NRS), Bases Regionais de Saúde (BRS), Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) e representantes do Controle Social da Macrorregional de Saúde do Oeste da Bahia.

O farmacêutico e coordenador técnico do Ciave, Jucelino Nery, foi um dos palestrantes e facilitadores do mini-curso “Vigilância de Ambientes e Processos de Trabalho Agrícola”, abordando a questão dos fatores de riscos nessa área, em especial os agrotóxicos e os acidentes por animais peçonhentos.

Participaram do Encontro técnicos dos NRS, BRS, Cerest, Divast, representantes da Vigilância em Saúde dos municípios da Macrorregião, Ministério do Trabalho e Emprego e do Controle Social, entre outros importantes atores integran…